domingo, 14 de julho de 2013

Assexualidade no Programa "Gabi Quase Proibida"

Queridos/as leitores,

Minha entrevista sobre assexualidade com a jornalista Marília Gabriela no programa "Gabi Quase Proibida", exibida em 17/07/13 no SBT,  já está disponível no site do SBT:     http://www.sbt.com.br/sbtvideos/media/ee996df788a53d68b8a665303b06977f/Elisabete-Oliveira-fala-sobre-os-assexuais-Parte-1.html 


20 comentários:

  1. Uma grande apresentadora. Uma grande emissora. Uma grande entrevistada. Uma grande oportunidade de divulgação do tema e de contribuição para maior esclarecimento do assunto para a população.

    Fico muito feliz com a notícia. Não irei perder por nada!

    ResponderExcluir
  2. FIQUEI FELIZ EM SABER QUE ESTE ASSUNTO SERÁ DISCUTIDO EM EMISSORA ABERTA. ELISABETE REGINA DE OLIVEIRA DETÉM MUITO CONHECIMENTO SOBRE O ASSUNTO E MERECE O MÉRITO DE SER PIONEIRA NO ESTUDO SOBRE ASSEXUALIDADE NO BRASIL. O TRABALHO DESSA PESQUISADORA TEM, SEM DÚVIDAS, CONTRIBUÍDO MUITO PARA COLOCAR EM EVIDÊNCIA ESSE TEMA DESAFIADOR. EU NÃO PERDEREI O "GABI QUASE PROIBIDA" DE JEITO NENHUM!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Émerson! Espero que tenha gostado da entrevista! Abraço!

      Excluir
  3. Olá, Boa noite, tudo bem?
    então... estou assistindo ao programa que por sinal estou surpresa, e gostaria de esclarecer algo.

    -sou casada a 11 anos, e de uns dois anos pra cá, perdi o interesse sexual total pelo meu esposo, por mais que ele faça não consigo sentir desejo e nem prazer com ele.

    Seria em mim, assexualidade?
    Ou será que isso é efeito de já ter sido maltratada demais por ele na cama?
    bjs, obrigada

    Meu email: mbmarizabastos@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Sou casado a 10 anos, adoro sexo, e minha mulher tenho a impressão que ela meio que faz por obrigação...ela só se manifesta em transar depois mais ou menos 15 dias...e pra mim o ideal seria todos os dias...já pedi pra ela procurar um medico, mas ela se recusa, já traí ela varias vezes...por necessidade de sexo, me sinto mal com isso, mas não consigo viver sem sexo, e pra mim é uma tortura ter que ficar me masturbando direto, será que ela é assexual? ou o problema esta comigo? Eu simplesmente adoro sexo, e sofro muito em ter uma relação assim... Queria ter uma mulher que pensasse como eu...se puder me envie uma resposta; ah, adorei a entrevista com a Gabi. (elias-itape@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  5. Ah, queria complementar, minha mulher sempre foi assim...ela diz que é o jeito dela...ela me falou que nunca se masturbou nem quando era adolescente e que nunca teve vontade também...quando vou fazer carinho nela, sua vagina não fica molhada com de outras namoradas e ela diz que não gosta de ser tocada na vagina. (elias-itape@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  6. Parabéns! A entrevista foi esclarecedora. Eu pude me entender melhor. Hoje, posso dizer que sou assexual homo-romântico. Beijo!

    ResponderExcluir
  7. DO MEU PONTO DE VISTA, O CONHECIMENTO DEVE SER ADQUIRIDO E AMPLIADO SEMPRE COM O OBJETIVO DE FAZER COM QUE A SOCIEDADE MELHORE, DE FAZER COM QUE AS PESSOAS ENCONTREM POSSIBILIDADES DE CRESCIMENTO PESSOAL E INTELECTUAL. O CONHECIMENTO QUANDO COMPARTILHADO PODE FAZER TODA UMA DIFERENÇA: PRECISAMOS SAIR DO ESPAÇO ACADÊMICO E ALCANÇAR AS PESSOAS E OFERECER-LHES ALGUMA DIGNIDADE!!! É ISSO QUE EU PERCEBO EM SEU TRABALHO, ELISABETE REGINA DE OLIVEIRA: VOCÊ DETÉM UM CONHECIMENTO QUE DEVE TER SIDO ADQUIRIDO COM MUITA DEDICAÇÃO - ISSO É MAIS QUE PERCEPTÍVEL - E DIVULGA, EXPÕE, COMPARTILHA!!! SE EU PUDESSE ATRIBUIR UM PRÊMIO AO BLOG DE CARÁTER ACADÊMICO MAIS INFORMATIVO, SEM DÚVIDAS VOCÊ SERIA VENCEDORA!!! PARABÉNS PELAS PALESTRAS, ENTREVISTAS, TEXTOS, PESQUISAS!!! SEU TRABALHO É PERFEITO E VOCÊ, PORQUE VOCÊ ME PARECE UMA PESSOA MUITO HUMANA, É MARAVILHOSA!!! OBRIGADO!!! OBRIGADO!!! OBRIGADO!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Émerson! Este incentivo é importantíssimo para o andamento e o sucesso desta pesquisa. Um abraço!

      Excluir
  8. Boa tarde: Um tema extremamente importante de ser abordado mesmo! A sexualidade é um dos maiores misterios haventes... Sem falar na PARTE NEGATIVA que esta gera (preconceitos/violencia)_já se evoluiu bastante, embora muita coisa ainda deva ser mudada. Em países mais atrasados, há crimes severos para: adultério/relações homoafetivas/relações antes do matrimônio... Coisas que devem ser (revistas) e como.
    No site do ZIPMAIL, há um assunto ligado a PRECONCEITO: abordando o PORQUE disso.
    Parabens à entrevistada... Mostra um baita carisma mesmo! Até, K.

    ResponderExcluir
  9. Excelente entrevista! Boa sorte com sua pesquisa, e obrigada por compartilhar seu conhecimento.

    ResponderExcluir
  10. Parabéns!!!
    Excelente tema e que venha novas formas de entender a diversidade.

    ResponderExcluir
  11. Oi Elisabete: parabéns! O programa foi muito esclarecedor. Desejo a você muito sucesso no seu doutorado.

    ResponderExcluir